Como fazer trabalhos académicos

A escolha do tema

A realização de trabalhos académicos é um método de avaliação cada vez mais frequente, sobretudo no actual paradigma de Bolonha. Mas apesar de poder ser feito livremente em casa ou na biblioteca, sobre uma temática do nosso interesse, não significa que seja uma tarefa fácil e pouco exigente.

Também te poderá interessar os seguintes artigos:

Antes pelo contrário, a realização de um trabalho de pesquisa exige leitura e capacidade de análise (que é conseguida através de muita leitura sobre o tema).

O primeiro passo deverá ser a escolha do tema a tratar e especificar a questão de investigação e para isso devemos fazer leituras mais gerais utilizando enciclopédias, dicionários sobre a disciplina e livros de introdução ao tema – nesta fase pretende-se ter uma visão ampla sobre o assunto para depois sermos capazes de definir uma questão específica para análise. É importante delimitar muito bem a questão de investigação para não sermos confrontados com imensa informação – quando não balizamos bem o tema da investigação o trabalho resulta vago e incompleto. Outro cuidado a ter na escolha do existe bibliografia suficiente e disponível para fundamentar a nossa pesquisa.

Por exemplo, tenho de preparar um trabalho para a disciplina de Geografia e escolhi o tema dos meios de transporte. Mas não será viável analisar todos os meios transporte, então irei analisar apenas os transportes terrestres ferroviários. Sobre este tema poderei falar da história dos transportes ferroviários, das suas características técnicas, do seu papel económico, ou da sua função de comunicação e de aproximação das pessoas.

Depois de algumas leituras e também tendo em conta o que me interessa mais investigar, decidi analisar os transportes ferroviários enquanto meio de comunicação, aproximação e diluição das diferenças entre as pessoas – este é o tema do meu trabalho. Mas posso ser ainda mais específica e analisar esta temática na região norte do país, ou no interior.

Para que o trabalho tenha uma maior consistência e não cometamos o erro de divagar na leitura e na escrita por abordagens que não interessam, sugiro a formulação de uma questão de investigação concreta, uma pergunta de partida que vai traduzir o que eu procuro saber com este trabalho, o que quero analisar e mostrar às outras pessoas. Se quero analisar os transportes ferroviários como meios de aproximação e comunicação entre as pessoas a pergunta de partida poderá ser a seguinte: em que medida, ou de que forma, os transportes ferroviários (urbanos e regionais) contribuem para a aproximação, comunicação e diluição das diferenças entre o interior e o litoral do país?

Outra possível pergunta poderá ser: o que representava a linha do Tua na aproximação e diluição das diferenças entre as populações do interior e do litoral no norte do país?

Depois de definido o tema de investigação e a abordagem que vou seguir é altura de começar a fazer leituras mais direccionadas para o tema, utilizando manuais, artigos científicos, periódicos ou entrevistas – as modalidades de pesquisa da informação são variadas. Podemos sempre pedir referências ao professor ou a alguém que conheça bem a área.

Na redacção do trabalho devemos, antes de tudo, escrever de forma correcta (em termos gramaticais e sintácticos) e escrever de forma clara. As frases e os parágrafos devem ter ligação e coerência entre si de forma que o professor faça uma leitura linear, sem saltos e sem “buracos de informação”. Devemos sempre citar as fontes que utilizamos, onde consultamos a informação que passamos no trabalho – internet (se sim, indicar o site ou a publicação), livro, notícia, ou se foi resultado de uma entrevista a alguém também devemos citar essa pessoa. Referir as fontes de informação dá credibilidade ao trabalho e revela pesquisas da nossa parte.

No final do trabalho é importante fazer uma última leitura global para corrigir gralhas e confirmar se não ficou alguma ideia menos clara. Se tivermos dificuldades ou não nos sentirmos seguros com a escrita do trabalho podemos (e devemos) pedir uma leitura final a um colega ou amigo e, assim, uma outra pessoa com maior distanciamento poderá nos dizer se a exposição do tema está clara e se a linguagem está correcta (sugerindo a correcção adequada).

Sem comentários.

Comentar o artigo

O nosso conteúdo é gratuito!

Disponibilizamos o nosso conteúdo gratuitamente, considere desativar o seu adblocker.

Refresh